22/11/2017

DIA NACIONAL DO DOADOR DE SANGUE: SEJA UM DOADOR!

A data, comemorada no dia 25 de novembro, busca conscientizar sobre a importância deste ato de solidariedade.

O Dia Nacional do Doador Voluntário de Sangue, comemorado no dia 25 de novembro, foi instituído em junho de 1964, através do Decreto no 53.988. O objetivo é homenagear todas as pessoas que, voluntariamente, reservam um espaço em suas agendas para doar sangue. A comemoração da data também é uma forma de conscientizar a população sobre a importância da doação de sangue e aumentar os estoques, principalmente, por conta da chegada do período de férias, festas de fim de ano e proximidade do carnaval.

O sangue funciona como um meio de transporte do corpo, pois é ele que distribui oxigênio, vitaminas, nutrientes, remédios e células de defesa onde é necessário. De acordo com a Organização Mundial de Saúde (OMS), estima-se que três milhões de brasileiros sejam doadores regulares, ou seja, 1,9% da população. Mas o ideal, para impedir faltas pontuais nos bancos de sangue, seria termos pelo menos quatro milhões de doadores no país.

Cada bolsa de sangue doada, com 400ml, pode salvar até quatro vidas. Os beneficiados são, na maioria das vezes, vítimas de acidentes, transplantados e pacientes com problemas de coagulação. O tipo O- é considerado doador universal e o AB+ é o receptor universal, ou seja, pode receber sangue de qualquer um. A doação dura cerca de uma hora e não traz riscos à saúde. A medula repõe o sangue retirado, em média, em até 2 meses nos homens e em 3 meses nas mulheres.

Na semana da data comemorativa, hemocentros de todo o país organizam atividades especiais. O Centro de Hematologia e Hemoterapia de Santa Catarina (HEMOSC), por exemplo, está realizando a campanha “Eu salvo vidas. Doe sangue vocês também”. Como parte das comemorações, no dia 24 de novembro, o Sr. Luís Cláudio Soares Rodrigues fará a sua doação de número 200, tornando-se um dos maiores doadores do Brasil.

Conheça os Requisitos para doar

  • Ter idade entre 16 e 69 anos, 11 meses e 29 dias;
  • Doadores com idade de 16 e 17 anos de idade, são aceitos para doação mediante a presença e autorização formal dos pais e/ou responsável legal;
  • O limite de idade para primeira doação é de 60 anos;
  • O candidato à doação deve estar em boas condições de saúde, sem feridas ou machucados no corpo;
  • Pesar acima de 50 kg (com desconto de vestimentas);
  • Apresentar documento de identidade com foto, emitido por órgão oficial: RG., carteira profissional, carteira de motorista, etc.
  • Ter repousado bem na noite antes da doação;
  • Evitar o jejum. Fazer refeições leves e não gordurosas, nas 4 horas que antecedem a doação;
  • Evitar uso de bebidas alcoólicas nas últimas 12 horas;
  • Evitar vir acompanhado com crianças, sem acompanhantes.

Notícias Relacionadas